Família Dammous  
English version English version   Home | Projetos | Artigos | Cadastro | OnLine | Sumário | Contato | Chat Quinta-feira, 13/Dezembro/2018
Conecte-se  /principal :: home :: meteorologia :: informações :: furacões   
 Música
 Notícias
 Meteorologia
 Genealogia
 Astrologia
 Nutrição

 » Adiciona Favoritos



3 usuários online »»» 3 convidados - mais... Lista de Membros 1541 membros
Furacões


Imagem (22K)
Foto: NOAA

   Furacões

Um furacão é um intenso ciclone tropical de mesoscala com ventos máximos constantes de 64 nós (119 km/h) ou mais que forma-se sobre as águas quentes no nordeste do Atlântico e do leste do Oceano Pacífico Norte. Esta mesma tempestade é chamada de tufão na parte oeste do Pacífico Norte e simplesmente de ciclone na India e na Austrália. Furacões possuem um diâmetro numa média de 600 km, mas eles podem possuir diâmetros de 1500 km.

Em 1979, Tufão Tip na área de Guam registrou a maior pressão baixa em um ciclone tropical de 870 mb.

Os ventos giram em sentido ciclônico (em direções anti-horária no Hemisfério Sul e horária no Hemisfério Norte) para o centro de um furacão. O centro, chamado de olho, caracteriza-se por uma pressão extremamente baixa, ventos leves e até uma calma com céu claro e nuvens esparsas em vários niveis. Pressão atmosférica diminui rapidamente para o centro. Velocidades de ventos, umidade e chuvas aumentam de encontro ao centro e diminui repentinamente. Com uma forte corrente de ar descendente, temperaturas no olho podem ser de 8° a 10° C mais do que na área principal da tempestade. Uma parede do olho é um círculo de trovoadas intensas que giram diretamente adjacente a um olho e extende-se quase a 15 quilômetros acima do nível do mar. As precipitações e ventos mais fortes ocorrem dentro de uma parede do olho.

A maioria de furacões formam-se entre as latitudes de 5°-20° sobre todos os oceanos tropicais com excessão do Atlântico Sul e leste do Pacífico Sul. O Pacífico Norte tem a maioria de ciclones tropicais com uma média anualmente de 20. Uns 30-100 podem ocorrer em qualquer ano, com 20% perto do sudeste da Ásia, 70% perto do Caribe e áreas próximas, e 10% no sudoeste nas águas do Pacífico e da Austrália. Furacões transportam grandes quantidades de ar úmido e quente de latitudes baixas para latitudes médias. É estimado que um furacão pode exportar 3,500,000,000 toneladas de ar em uma hora. O desenvolvimento de um furacão acarreta expulsões de grandes quantitades de energia e a transferência de quantidades substanciais de água cobrindo vários graus de latitude.


Desenvolvimento de Furacões
O estágio inicial é um distúrbio tropical com uma leve circulação sem isóbaras fechadas ao redor de um área de pressão baixa.


Dissipação de Furacões
Furacões diminuem rapidamente quando eles trajetam sobre águas frias e perdem a sua fonte de calor.


Danos de Furacões
Embora que a quantidade de danos causados pelo furacão dependam de vários fatores, o fator principal é a força da tempestade.


Previsões de Furacões
Reconhecimentos de aeronaves é uma fonte de informação mais importante de furacões.


Copyright © 2001 - Adaptação - Dammous

 Linux
 Programas
 ASP
 Jogos
 Cartão Postal

Frase
Quando o teu amigo atravessar alguma aflição, não o aborreças perguntando-lhe o que podes fazer por ele. Pensa em algo apropriado e fá-lo .
Ed. Howe



(avançado...)

IP Address Location

         [ processado em: 1,14 segundos.]  privacidade | licença | © 2001, Dammous.