Família Dammous  
English version English version   Home | Projetos | Artigos | Cadastro | OnLine | Sumário | Contato | Chat Quinta-feira, 15/Novembro/2018
Conecte-se  /principal :: home :: Músicos   
 Música
 Notícias
 Meteorologia
 Genealogia
 Astrologia
 Nutrição

 » Adiciona Favoritos



3 usuários online »»» 3 convidados - mais... Lista de Membros 1541 membros
Família Dammous - Músicos  
Elizeth Cardoso
  16/07/1920       7/05/1990

  Biografia

Cantava desde pequena, no subúrbio do Rio, cobrando ingresso das outras crianças para ouvi-la cantar. Foi descoberta aos 16 anos por Jacob do Bandolim, que a levou para cantar no Programa Suburbano, da Rádio Guanabara. Nos anos 30 e 40 trabalhou em várias rádios, boates, casas noturnas, foi crooner de orquestra e emplacou seu primeiro sucesso, "Canção de Amor" (Chocolate/ Elano de Paula). Em 1958 gravou o antológico disco "Canção do Amor Demais", com músicas de Tom Jobim e Vinicius de Moraes, considerado marco inaugural da bossa nova. No ano seguinte continuou atuando ao lado dos compositores da bossa nova, e gravou músicas para o filme "Orfeu do Carnaval". Na década de 60 chegou a ter seu próprio programa na TV Rio, Nossa Elizeth. Sua ligação com o samba fez-se mais forte depois da participação no show "Rosa de Ouro", que originou o LP "Elizeth Sobe o Morro", um de seus discos mais importantes, ao lado de "A Enluarada Elizeth", que contou com a participação de Pixinguinha, Cartola, Clementina de Jesus. Em 1968 realizou o show que alguns consideram o ápice de sua carreira, com Jacob do Bandolim, Época de Ouro e Zimbo Trio, no Teatro João Caetano, no Rio de Janeiro. O espetáculo, produzido por Hermínio Bello de Carvalho para o Museu da Imagem e do Som, virou um LP duplo. Nos anos 70 fez shows no Japão, onde hoje em dia são editado CDs com suas músicas que não existem no Brasil. Elizeth foi uma das maiores divas da canção brasileira, tendo excursionado por outros países.


Voltar



 Linux
 Programas
 ASP
 Jogos
 Cartão Postal

Frase
O homem nunca pode parar de sonhar. O sonho é o alimento da alma, como a comida é o alimento do corpo.
Paulo Coelho



(avançado...)

IP Address Location

         [ processado em: 1,09 segundos.]  privacidade | licença | © 2001, Dammous.